domingo, 27 de outubro de 2013

“Enigmas da modernidade-mundo” de Octávio Ianni

“Enigmas da modernidade-mundo” de Octávio Ianni
Resumo: Octavio Ianni nasceu em São Paulo em 1926, faleceu em 2004. É considerado, assim como Florestan Fernandes e Fernando Henrique Cardoso, um dos principais sociólogos do Brasil. Ianni foi um dos primeiros a lançar mão do método dialético para desvendar enigmas da formação histórica do Brasil e as contradições econômicas, sociais e políticas no início da modernidade capitalista no país. Esta obra é uma tentativa de Ianni a percorrer os processos que constituíram a sociedade contemporânea, utilizando-se dos recursos teóricos provindos de vários vieses do pensamento social.
Palavras-Chave: Modernidade. Sociedade. Política.

“Enigmas da modernidade-mundo” de Octávio Ianni

“Enigmas da modernidade-mundo” de Octávio Ianni
Resumo: Octavio Ianni nasceu em São Paulo em 1926, faleceu em 2004. É considerado, assim como Florestan Fernandes e Fernando Henrique Cardoso, um dos principais sociólogos do Brasil. Ianni foi um dos primeiros a lançar mão do método dialético para desvendar enigmas da formação histórica do Brasil e as contradições econômicas, sociais e políticas no início da modernidade capitalista no país. Esta obra é uma tentativa de Ianni a percorrer os processos que constituíram a sociedade contemporânea, utilizando-se dos recursos teóricos provindos de vários vieses do pensamento social.
Palavras-Chave: Modernidade. Sociedade. Política.

sábado, 26 de outubro de 2013

Em tempos de cibercultura: as tecnologias nas práticas pedagógicas

Em tempos de cibercultura: as tecnologias nas práticas pedagógicas
Inegavelmente, as tecnologias estão cada vez mais não só fazendo parte do nosso cotidiano como estão se tornando em uma parte de nós mesmos, nos transformando em ciborgues. Devido a tal importância que assumem nas nossas culturas, torna-se necessário refletir sobre as possíveis contribuições dessas não só na esfera cotidiana, mas especialmente na esfera pedagógica, sobre como estamos lidando com suas possibilidades pedagógicas

segunda-feira, 7 de outubro de 2013

Manoel de Barros e as gramáticas: implicações no ensino da língua materna

Manoel de Barros e as gramáticas: implicações no ensino da língua materna
Este artigo tem como objetivo discutir as implicações do conceito de gramática que se impõe no contexto escolar sob a luz das produções poéticas de Manoel de Barros. Busca-se discutir as limitações do ensino que se pauta em uma gramática normativa e apresentar a importância de conhecermos a gramática internalizada com intuito de ampliarmos a compreensão leitora dos alunos desde a alfabetização de forma que eles percebam a produção de sentido que se busca utilizar em diferentes contextos interativos.




PALAVRAS-CHAVE: Gramática; Ensino; Língua; Leitura.







RESUMEN

Este artículo tiene como objetivo discutir las implicaciones del concepto de la gramática que se impone en el contexto escolar a la luz de las producciones poéticas de Manoel de Barros. El artículo analiza las limitaciones de la enseñanza que se orientan en una gramática normativa y presentar la importancia de conocer la gramática interiorizada con el fin de ampliar la comprensión de lectura de los estudiantes desde la alfabetización para que comprendan la producción de sentido que pretende utilizar en diferentes contextos interactivos.

PALABRAS-CLAVE: Gramática, Educación, Lenguaje, Lectura

quarta-feira, 2 de outubro de 2013

Violência sem fim

Violência sem fim
“ – Por que este homem não é preso antes que o pior aconteça?” – perguntou a mulher na delegacia da polícia.
Resposta da delegada:
“ – A Lei Maria da Penha não prevê a violência contra a mulher como crime inafiançável. Tudo depende da interpretação do delegado para conceder ou não a fiança.”
Interpretação?! Qual será o significado disso? O que é preciso acontecer para que o delegado “interprete” uma situação como sendo de risco? Ameaças psicológicas? Ameaças físicas? Ataques diretos? O que é preciso fazer para que essa “interpretação” ocorra o mais rápido possível, de preferência antes da mulher ou os filhos serem feridos ou até mesmo mortos?

Revista Partes

http://www.partes.com.br/2017/11/01/poema-fora-de-moda/ Poema Fora de Moda Gilda E. Kluppel No vestuário comercial calças de boca de sino...