quarta-feira, 12 de junho de 2013

Com gol de Cícero, Santos bate Galo e vence primeira no Brasileiro



Santos consegue sua primeira vitória de 1x0 no Campeonato Brasileiro, na Vila Belmiro.



O resultado fez o Peixe deixar a lanterna, pulando para fora da zona de rebaixamento, ocupando agora a 15ª posição na Série A, com cinco pontos. Já o Galo, com o revés, está no Z-4, com apenas quatro pontos ganhos.

Após esta vitória santista, as duas equipes só voltam a jogar em julho, por conta da paralisação do Brasileirão para a disputa da Copa das Confederações. No próximo dia 6, os mineiros recebem o Criciúma, no Estádio Independência. No dia seguinte, o Alvinegro Praiano faz o clássico com o São Paulo, no Morumbi.

O jogo -O Santos começou a partida pressionando e, logo nos primeiros minutos, conseguiu abrir o placar. Aos quatro, após boa trama do ataque do Peixe, a bola foi tocada para Cícero soltar a bomba, de perna esquerda, balançando as redes do goleiro Victor: 1 a 0 para a equipe praiana.

Os santistas quase ampliaram a vantagem aos 12, quando o atacante Willian José resolveu arriscar de fora da área e quase surpreendeu o goleiro atleticano, mas a bola passou rente ao travessão do Galo.
Aos 22, Rafael Galhardo cruzou, a bola sofreu um leve desvio, pingou na frente de Victor, que fez grande defesa. No rebote, Neílton, que tinha pouco ângulo para o chute, mandou a bola na rede, pelo lado de fora.

Três minutos depois, Arouca roubou a bola e acionou Leandrinho, que chutou forte, exigindo mais uma boa intervenção de Victor, evitando o segundo tento dos donos da casa.

Após essa chance de Leandrinho, o ritmo do jogo diminuiu e as oportunidades de gol se tornaram mais raras.

Com pouco espaço, a primeira boa oportunidade de gol do segundo tempo foi do visitantes. Aos 18, Leandro Donizete arriscou de longa distância, mas o seu arremate passou ao lado da trave direita de Rafael.

Já o Santos, que teve a entrada do volante Renê Júnior no lugar do lateral-direito Rafael Galhardo, respondeu aos 20, com Cícero cobrando uma falta pela direita, de perna esquerda, e exigindo uma boa defesa de Victor.

O treinador interino santista, Claudinei Oliveira, ainda trocou Pedro Castro, contundido, para a entrada de Léo Cittadini, e o lateral-esquerdo Léo pelo volante Marcos Assunção, visando os minutos finais do confronto. Do outro lado, Alecsandro deixou o jogo, com Guilherme sendo o seu substituto.

Cittadini, aliás, foi responsável pela expulsão do lateral Marcos Rocha, aos 34. O jogador atleticano interrompeu o contra-ataque dos donos da casa e recebeu o cartão vermelho.

Nos minutos finais, o Peixe conseguiu administrar o resultado, com um homem a mais em campo, até o apito final do árbitro, confirmando a sua primeira vitória na competição nacional.

Jorge Henrique é apresentado pelo Inter.



Atacante foi apresentado oficialmente pelo Internacional nesta quarta-feira
Em sua primeira entrevista como jogador colorado, o ex-corintiano brincou com o rótulo de ser um carrasco alvirrubro e garantiu: quer deixar para trás os problemas de indisciplina que motivaram sua saída do Timão.  

“Brinquei com o segurança na entrada do Beira-Rio. Ele pediu para eu devolver os títulos que tirei do Inter, e eu respondi que só pedi emprestado”, brincou Jorge Henrique, autor de gols nas duas finais da Copa do Brasil de 2009, quando o Corinthians superou o Colorado e levou a taça para São Paulo.

Jorge Henrique admite ter errado em seus últimos dias de Corinthians, e fez questão de frisar que quer deixar para trás a pecha de ser um jogador indisciplinado: “Todo mundo erra, eu errei, mas são coisas da vida. Não quero levar isso para frente, nem quero entrar em detalhes. Guardo como aprendizado”, resumiu.

Copa do Brasil - A CBF definiu nesta quarta as datas dos confrontos entre Internacional e América-MG, pela terceira fase da Copa do Brasil. O primeiro jogo será no dia 10 de julho, no Centenário, em Caxias do Sul. A partida de volta será na semana seguinte, dia 17, no Independência, em Belo Horizonte.

terça-feira, 11 de junho de 2013

Secretário-Geral da Fifa visita Prefeitura a um ano da Copa do Mundo


Jérome Valcke visitou nesta segunda, a Prefeitura de São Paulo



Foto: Heloisa Ballarini/SECOM.





Jérôme Valcke fez nesta segunda-feira (10) uma visita de cortesia à prefeita em exercício, Nádia Campeão. Eles acertaram uma reunião de trabalho, com o Governo do Estado e a Construtora Odebrecht, no próximo dia 21





O secretário-geral da FIFA, Jérôme Valcke, visitou nesta segunda-feira (10) a Prefeitura de São Paulo e foi recebido pela prefeita em exercício, Nádia Campeão.



Sobre a reunião do próximo dia 21, ficou esclarecido que se trata de um encontro de trabalho com todas as partes envolvidas na realização da Copa do Mundo.



“Vamos repassar todos aqueles itens principais que devem ser realizados até o ano que vem, com todas as partes envolvidas: o Corinthians, a Odebrecht e o Comitê Organizador. Também vamos tratar do Congresso da Fifa, que será em São Paulo”, afirmou a prefeita em exercício.



Pacaembu será concedido para a iniciativa privada

Por Diego Zanchetta

Estadão Conteúdo – 3 horas atrás....Enviar0Compartilhar8

Share0Imprimir......DESTAQUES.

..Investigação aponta uso de verbas públicas pelo ex-ministro Geddel

Estadão Conteúdo - 2 horas 57 minutos atrás

.Polícia turca recupera controle da Praça Taksim

AFP - 4 horas atrás

....Mais notícias »....A gestão do prefeito Fernando Haddad (PT) vai lançar licitação de R$ 350 milhões para a concessão à iniciativa privada do Estádio do Pacaembu, na zona oeste de São Paulo. O governo desistiu de reformar o espaço com captação de verbas da União, por meio do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), após receber visitas de empresas interessadas em administrar o estádio e transformá-lo em arena multiuso para shows e eventos esportivos.





“Não queremos gastar nenhum centavo de dinheiro público nessa transformação do estádio em arena moderna, igual às que estão ficando prontas para a Copa. Vai ser um espaço ideal para lutas do UFC e para shows”, disse o secretário de Esportes, Celso Jatene. “A licitação tem de estar ‘na rua’ até o fim do ano. O objetivo é o de que ele fique pronto no ano da Copa também”, acrescentou Jatene, que discutiu, na segunda-feira, 10, durante audiência na Câmara Municipal a organização da Copa de 2014 na capital.





Prestes a serem inauguradas as arenas do Corinthians (prevista para receber a abertura da Copa) e do Palmeiras (que deve servir como arena de treino para seleções), o Estádio do Pacaembu, com custo de manutenção atual em R$ 11 milhões por ano, corre o risco de ficar sem utilização. “A transformação do estádio precisa começar agora. Esse é o objetivo do nosso governo”, acrescentou o secretário.





Veto do MP





A realização de shows no Pacaembu, porém, está vetada pelo Ministério Público do Estado de São Paulo desde 2004, após a morte de um jovem durante show da banda Racionais MC’s na Praça Charles Muller. Quem moveu a ação para acabar com eventos musicais no estádio foi a associação de moradores Viva Pacaembu. No ano passado, a Promotoria de Urbanismo chegou a mover ação contra o ex-prefeito Gilberto Kassab (PSD) após a liberação do local para um evento para 50 mil pessoas da Igreja Universal, em outubro.





“A Prefeitura só pensa o Pacaembu de forma mercantilista. Ele foi construído com dinheiro do contribuinte e poderia ser usado por dezenas de escolas estaduais sem espaço físico para a prática de esportes. Não se pode pensar o estádio só como forma de ganhar dinheiro. Temos de transformá-lo em um espaço para a prática esportiva voltada a crianças mais carentes”, defende Iênides Demsati, presidente da Associação Viva Pacaembu.





A Prefeitura argumenta que vai propor a assinatura de um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) com o Ministério Público do Estado e com a Associação Viva Pacaembu.



“Queremos colocar no termo a previsão de um número limitado de shows e com horário predeterminado para o fim. A associação de moradores vai participar de todas as discussões sobre a concessão”, argumentou o secretário municipal de Esportes.



A reportagem procurou ontem à noite para comentar o caso o promotor de Urbanismo, Maurício Antonio Ribeiro Lopes, mas ele não foi localizado até as 20h30. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

domingo, 9 de junho de 2013

Sampaio Corrêa empata com Treze por 1 a 1 e segue líder na Série C

Jogando no estádio Amigão (em Campina Grande-PB), Sampaio Corrêa e Treze empataram por 1 a 1. Os gols da partida foram marcados pelo atacante Pimentinha (Sampaio Corrêa), aos 39 minutos do primeiro tempo, e Tiago Sousa (Treze), aos 41 minutos do segundo tempo. Com o resultado, o Sampaio Corrêa segue na liderança do Grupo A (com equipes das regiões Centro-Oeste, Nordeste e Norte). O time do Maranhão tem quatro pontos. O Treze conseguiu sair da lanterna do grupo. Agora, o time da Paraíba tem um ponto em duas rodadas.

O DEUS DA DOR E DA PERDA

Revista Partes : A sua revista virtual - ISSN 1678-8419 P@rtes (São Paulo) Julgar uma cultura que não é a nossa é sempre muito difícil, pa...